Tolerância zero, ao extremo

Comentário enviado pelo colega Marcelo Dias:

 

Mulher é presa por fazer careta para cão - Um promotor da cidade de Chelsea, no Estado americano de Vermont, retirou as acusações contra uma mulher que foi presa por encarar e fazer caretas para um cachorro da polícia. Leia mais.

 

E olha que o promotor só retirou as acusações porque concluiu que seria muito difícil provar que a conduta da mulher de fato influenciou o comportamento do cão, já que “na maioria dos casos, as pessoas podem comparecer à Corte e dizer como se sentiram. Cães não podem fazer isso", disse o promotor Porter.